FUMAS | http://fumas.jundiai.sp.gov.br

Recanto Novo atenderá 31 famílias cadastradas naquele núcleo

Publicada em 12/02/2020 às 18:21

A superintendente da FUMAS, Solange Marques, e o superintendente adjunto de Políticas Habitacionais da Fundação, Leopoldo Brunelli, estiveram na manhã desta quarta-feira (12) em visita às obras de infraestrutura para regularização do Recanto Novo, no Jardim Tamoio. A obra, sob responsabilidade da Prefeitura de Jundiaí por meio da FUMAS, teve início em novembro de 2019 e o prazo previsto para conclusão é de 180 dias.

A superintendente da FUMAS, Solange Marques, ao lado do superintendente adjunto de Políticas Habitacionais, Leopoldo Brunelli, e o assessor Rafael Negrin Moreira: obras de infraestrutura completa incluem desde a terraplenagem até a instalação de guias e sarjetas

“Além de estarmos trabalhando para a regularização de toda a documentação referente à área junto aos órgãos competentes, a FUMAS também está executando as obras de infraestrutura completa no local, que incluem terraplenagem, drenagem, redes de água e esgoto, iluminação pública, pavimentação, guias e sarjetas”, explicou Solange, complementando que cada família será responsável pela construção de sua própria casa. “Mas a FUMAS também fará a elaboração, aprovação dos projetos das edificações das moradias e o acompanhamento técnico das obras nos lotes”, salientou.

O projeto de regularização fundiária do Recanto Novo será constituído por 31 lotes a serem destinados à famílias que residiam em áreas sob intervenção da FUMAS naquela região (no próprio núcleo, na Baixada do Paraná, no Jardim Tamoio ou Hospital Psiquiátrico) e que aguardavam a viabilização da área como beneficiárias do auxílio-moradia.

Regularização fundiária do Recanto Novo trará de volta 31 famílias que já residiam em áreas sob intervenção da FUMAS naquela região (no próprio núcleo, na Baixada do Paraná, no Jardim Tamoio ou Hospital Psiquiátrico) e que aguardavam a viabilização da área como beneficiárias do auxílio-moradia.

Jardim Vitória

Também acompanhou a visita o vereador Márcio Cabeleireiro, que apresentou à superintendente sua preocupação relacionada aos moradores do Jardim Vitória (antigo Núcleo Balsan), uma área particular cuja regularização será feita através da parceria com o programa Cidade Legal, da Secretaria de Estado da Habitação.

“Para que o Cidade Legal possa dar sequência aos trabalhos de regularização do Jardim Vitória, estamos contratando o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), que fará um estudo técnico e ambiental, que vai nos dar um parâmetro de orientação sobre como proceder em algumas situações específicas que encontramos para a regularização deste núcleo”, salientou Solange.

Assessoria de Imprensa – FUMAS
Fotos: Divulgação




Link original: https://fumas.jundiai.sp.gov.br/2020/02/recanto-novo-atendera-31-familias-cadastradas-naquele-nucleo/